sábado, 30 de janeiro de 2010

O Tempo dos verdadeiros magos 2



De onde tirou Moisés seus poderes? Com que força conseguiu desatar as dez pragas do Egito, segundo declara o Êxodo? Pois, foi aquele agente maravilhoso que lhe permitiu demonstrar sua sabedoria diante do faraó – a potência sexual. Aí está o poder dos poderes! Agora ficará explicado para vocês por que a Arca da Aliança tinha quatro cornos de bode. Esses quatro cornos serviam para representar os quatro homens que puderam levá-la de um lugar para outro. Essa arca em si mesma está representando o Lingam-Yoni da Lei. Aqui, pois, é onde está o poder e a força. Sem ela, para nada serviria o TAO dos profetas, de nada serviria o bastão dos Grandes Iniciados... O mercúrio já fecundado pelo enxofre, isto é, pelo fogo. Assim, pois, devemos compreender a necessidade de se elaborar o Mercúrio.

Os alquimistas da Idade Média guardaram silêncio sobre o segredo do Bode de Mendes. Quando na Idade Média, os iniciados neófitos eram levados à meia-noite às cavernas da Iniciação, nos santuários secretos, se lhes vendavam os olhos. Tirada a venda, encontrava-se o neófito diante do Bode de Mendes, o diabo, porém na testa dele resplandecia o pentagrama, a estrela flamígera, não à inversa, como a usam os tântricos negros, mas com o ângulo superior para cima e os dois ângulos inferiores para baixo. Então, se ordenava ao neófito que beijasse o traseiro do diabo. Se se negasse, punham-lhe novamente a venda nos olhos e o tiravam por uma porta escondida por onde jamais poderia entrar. Lá, os irmãos o advertiam sobre os perigos da Santa Inquisição e sobre aquela pedra cúbica, onde estava sentado o diabo.

De uma porta, saía uma Ísis do templo... Precisa-se ser suficientemente inteligente para dar-se conta do profundo significado da cerimônia. De fato, entregava-se ao trabalho na Grande Obra. O fundamental, meus queridos irmãos, é fazer a Grande Obra. Para que serviria se nos tornássemos eruditos, se não fizéssemos a Grande Obra? É óbvio que no começo devemos fabricar o mercúrio. O segredo da elaboração do mercúrio nunca foi revelado por ninguém e vocês sabem disso. No arcano AZF está a chave. Com que objetivo preparamos o mercúrio? Para que? Para fazer a Grande Obra, é claro. Devemos transmutar na Sahaja Maithuna. Porém, essa energia em si mesma já é um mercúrio, a alma metálica do azougue em bruto do esperma.

Depois essa energia sobe pelos canais Ida e Pingala. Da união de átomos solares e lunares nasce o fogo. É verdade, esse fogo torna fecundas todas suas manifestações. Esse fogo é o enxofre, o mercúrio fecundado pelo enxofre. Devemos fazer todo o trabalho, porém qual é o trabalho? Necessitamos compreender qual é o trabalho que vamos fazer, temos de acabar com muitos conceitos equivocados. Dizem as diferentes organizações de tipo pseudo-esoterista e pseudo-ocultista que o homem tem sete corpos: Físico - Etérico - Astral - Mental - Causal - Búdico – Átmico. Citam estes corpos também com outros nomes: 1. O físico. 2. O vital chamam-no de lingam sarira. 3. O astral dizem que é kamas ou princípio de desejo. 4. O mental dizem que é manas inferior. 5. O causal chamam de manas superior. 6. O intuicional dizem que é o corpo búdico. 7. Átmico. Como disse Maomé: Alá é Alá e Maomé é seu homem. Ele é perfeito e eu não sou. Não entendo que seu filho seja perfeito porque perfeito só há um, o Pai que está em segredo. Nenhum de nós é perfeito. Há diversos reinos e, assim como aqui, tais remos são governados por devas ou hierarquias. Uma vez que se conseguiu a fabricação do corpo astral mediante o fogo e o mercúrio da filosofia secreta, devemos nos dedicar a trabalhar na fabricação do corpo mental. Todo mundo pensa que tem um corpo mental próprio e isso é falso. As pessoas não têm mente próprias, as pessoas têm muitas mentes. Pensem no seguinte: o eu é múltiplo. O eu é um conjunto de pessoas que cada um leva dentro.

O corpo é uma máquina e através dessa máquina de repente se expressa um eu, isto é, uma pessoa, porém essa pessoa sai e se mete outra. Depois, essa outra sai e se mete uma outra e assim sucessivamente. Total: o animal inte-lectual não tem individualidade definida. É uma máquina controlada por muitas pessoas, porém cada uma dessas pessoas chamadas eus têm uma mente diferente. Como quer que são tantos os eus, as mentes são muitas. Cada eu tem a sua mente, suas idéias, seus critérios próprios etc. Então, meus queridos irmãos, onde está a mente individual do pobre animal intelectual equivocadamente chamado homem? Onde está a mente desse pobre mamífero racional? Qual deles se é? Infelizmente, devemos nos dar conta do que somos. Cada um destes corpos tem suas leis. O corpo físico está governado por 48 leis, o astral por 24, o mental por 12 e o causal por 6. Julgarmo-nos homens nestes momentos atuais é uma falsidade. Se colocarmos um homem e um animal intelectual juntos, veremos que os dois se parecem, há uma semelhança, porém, se observarmos seus costumes, veremos que são diferentes. Os costumes de um homem verdadeiro são tão diferentes dos do animal intelectual como os de um cidadão culto são completamente diferentes dos de um canibal da selva. Observem em detalhe um homem um animal intelectual, observem seus comportamentos e formas e verão que são radicalmente distintos, diferentes, intimamente não se parecem em nada, ainda que a aparência física de ambos seja igual.

Que nos animais intelectuais estão às possibilidades de se converter em homem isso é coisa bem diferente! Neles estão os germes dos corpos existenciais superiores do Ser! Tais germes são emanações do Sagrado Sol Absoluto que podem ser vivificados através do trabalho com a alquimia sexual e isto é importantíssimo! Muito bem, uma vez recebido o princípio anímico, o qual se chama na gnose de pneuma ou espírito, vem à segunda parte do trabalho que é bem mais profunda: trata-se de refinar mais o mercúrio e de se intensificar a eliminação do mercúrio seco e do sal vermelho. Que é o mercúrio seco? Já dissemos que está formado ou representado pelos eus que carregamos dentro. Que é o sal vermelho ou enxofre arsenicado? E o fogo infra-sexual, o fogo que emana do abominável órgão kundartiguador.

Para a criação dos corpos existenciais do Ser é necessária também à eliminação e a eliminação se intensifica na segunda parte do trabalho: a eliminação dos elementos indesejáveis, do mercúrio seco e do sal vermelho ou enxofre arsenicado. No terceiro trabalho, meus estimados irmãos, na terceira cocção, porque são três cocções ou três purificações pelo ferro e pelo fogo, temos de converter os corpos existenciais superiores do Ser em veículos de ouro puro. De onde vai sair o ouro puro? Transporta-o mercúrio... Assim como São Cristóvão leva o menino, assim também o mercúrio leva em si o ouro. Porém, necessita-se de um artífice que seja capaz de unir os átomos do ouro com o mercúrio. Este artífice o temos todos dentro de nós mesmos, é uma das partes de nosso Ser: o alquimista particular de cada um de nós e que é conhecido como Antimônio. Que poderíamos fazer nós sem essa parte, sem esse alquimista? Felizmente, ele conhece a arte e é um grande artista. Ele sabe como irá conseguir a união dos átomos do ouro com o mercúrio. Em seguida, a alma-espírito deverá se transformar em alma de ouro e por último, o mais valioso que temos, o Atman do qual falam os hindus, terá de se converter em ouro puro. Quando se conseguiu isto, quando todos os veículos foram recobertos pelas diferentes partes do Ser, quando todo o mercúrio seco e todo o sal vermelho foram eliminados, chega o nosso Pai.

Ele levanta-se de seu sepulcro, entra em seu envoltório e ressuscita em nós e nós n'Ele. Chegou-se ao mestrado. Quem chega a estas alturas ganha o Elixir da Longa Vida e assim poderá conservar seu corpo físico durante milhões de anos. Quem chega a estas alturas recebe a medicina universal e de seu organismo ficam erradicadas as enfermidades. Quem chega a estas alturas poderá transmutar o chumbo físico em ouro puro como o fizeram os grandes Mestres. Porém, tacitamente Lúcifer entrou. Que tem que ver Lúcifer com o Bode de Mendes nesta questão? Por que Moisés tinha cornos de bode em sua testa com raios de luz? Meus irmãos, esse Lúcifer, diríamos é a mina de onde vamos extrair o mercúrio. Muitas vezes dissemos que o cavaleiro tem de enfrentar o dragão. Muitas vezes dissemos aqui que Miguel luta contra o dragão, São Jorge também luta contra o dragão. Muitas vezes dissemos que o cavaleiro toma algo do dragão e o dragão algo do cavaleiro para fazer disso uma estranha criatura. Muitas vezes afirmamos que essa estranha criatura por sua vez, por desdobramento, que resulta como síntese, é o mercúrio, o qual é simbolizado pelo peixe que o pescador tira do lago com suas redes. O grande Mago para ser considerado Branco tem que eliminar o Negro de dentro de si.

Por isso o embate com Lúcifer sempre tem que acontecer. Até mesmo Cristo passou por essa provação no deserto. Para vencer o pecado e o mal não temos que fugir deles mais enfrenta-los. No entanto é obvio que necessita-se sempre de prudência, sabedoria e cautela. Assim, pois, desse Lúcifer extraímos todo o mercúrio e à medida que o tempo for passando, Lúcifer vai se convertendo todo em mercúrio até que no fim a única coisa que resta em nós é o Mercúrio. Que é um Mestre Ressurrecto? Mercúrio já purificado e convertido em ouro. Por isso se o representa com a Taça de Alabastro, com o alabastro vivo, com a rosa elétrica que se espera. Há alguns Cavaleiros da Ordem Superior dos Ressurrectos, mas eles não têm organização física visível em nenhuma parte.

Nos dias d´hoje, com a queda acelerada e conseqüente desaparecimento dum Ciclo “apodrecido e gasto” pelo dealbar doutro mais promissivo e feliz para a Terra, o de AQUARIUS que já entrou no Ciclo zodiacal e só falta entrar no Ciclo consciencial de um e todos, assiste-se, impávido ou aterrado, aos humanos frutos amargos e venenosos do Passado agitarem-se de tal modo lutando por sua sobrevivência à extinção completa que já lhes está sentenciada pela LEI MAIOR. É assim, não raro com surpresa e admiração de muitos que ainda mantêm a lucidez d´alma, que se assiste ao surgimento agigantado de díspares e disparatadas seitas usando de “manás e bênçãos”, de “escrituras novas e iniciações cósmicas”, de “curas estelares e ocultismo cinematográfico”, etc., etc. Fazendo a delícia das massas impúberes que, além de sugadas na carteira, servem em sua ingênua ignorância mesmerizada de alimento psíquico a forças tenebrosas cujas teorias e práticas as denunciam. Ao menos a quem vê na lucidez do desprendimento, sabendo que o Mundo da Alma não é como se quer, mas como em si mesmo é.

A terra tem sido vitima da ação nefasta dos chamados Nirmanakayas Negros, a qual intensificou nos últimos decênios e os quais agem nos bastidores psicossociais de duvidosos agrupamentos aos quais, verdade se diga, gostaria muito de arrancar boa mas ingénua gente em risco iminente de perder para sempre o seu quinhão evolutivo (“o tesouro do Céu”, diria Jesus) até agora duramente conquistado no imenso rosário das vidas sucessivas, e ter de recomeçar tudo desde o início numa próxima Cadeia ou Manvantara, o que implica um sofrimento indescritível por perda do Espírito e da Alma, ficando a Mónada vazia e abandonada no abismo gélido do Pralaya precoce ou antecipado, por ter perdido os veículos de manifestação que a vivência intensa e impenitente no Mal levou à perdição.

Este é o Avitchi ou Inferno dantesco, ardente na consciência corroída pelo remorso do mal feito, gélido como espaço último do Universo ou “8.ª Dimensão”, “Cone da Lua” ou, mais vulgarmente, “Astral inferior”. Os ditos “barretes vermelhos” são os distintivos dos Rakshasas ou magos negros, os seguidores da “Via Sinistra” (Smaritta, em sânscrito), mas também são referência oculta à energia vermelha Tamas, a força material de que estão impregnados como opositora à energia espiritual Satva que é amarela, esta a cor dos barretes dos Gelung-Pa, liderados por GELUNG da Linha KUT-HUMPA cujo Choan ou Líder Supremo é KOOT HOOMI, logo sendo os Adeptos da Vida Direita (Diritta, em sânscrito) como Senhores da Boa Magia Divina, logo, TEÚRGICA. Como já apliquei o termo, e para melhor definição posterior de quanto aqui tenho a dizer, desde já explicarei o termo Nirmanakaya. Este define a Veste Física e os consequente poderes físicos dum Adepto Perfeito (inclusive o de poder prolongar a vida física além do normal), seja vocacionado para o Bem ou para o Mal.

Quando é para o Bem ele será então um Adepto Branco, e quando para o Mal se assume um Adepto Negro. Em ambos a disciplina é a mesma, só as intenções é que divergem... Não pensar no Mal é realmente não o alimentar psicomentalmente. Mas isso não contraria a sua existência organizada e propósito sinistro. Então há que esclarecer para se saber por que assim é... Tendo sempre em mente que o Mago Branco PROPÕE enquanto o Mago Negro IMPÕE. 7 NIRMANAKAYAS NEGROS (Adeptos Negros ou Qliphoth) Cada um tem 7 Discípulos Sinistros, logo: 49 RAKSHASAS (Magos Negros) Cada um tem 12 Sub-Aspectos ou Dad-Dugpas, logo: 988 SHAMARES ou KAMARES (Feiticeiros). Todos eles se manifestam por multivariadas formas humanas e sociais, todas elas avessas à Evolução Verdadeira, ou seja, querendo impor psicossocialmente a Anarquia à Sinarquia, a Discórdia à Concórdia Universal dos Povos.

Ela patenteia-se por todo o Globo e em todas as latitudes sociais (econômicas, políticas, militares, culturais, religiosas, etc.). Servindo-se duma lógica profunda que, verdade se diga, nunca foi nem será sinônima de VERDADE em qualquer preposição filosófica, os Rakshasas e seus representantes na Terra, estes conscientes ou não dessa representação, não deixam de ser, afinal, o instrumento oculto e inconsciente do cumprimento implacável da LEI KÁRMICA na Humanidade e no Globo, não deixando eles mesmos de serem os primeiros a sentir o vergel da JUSTIÇA DIVINA. A isso Jesus se referia quando afirmava: “O escândalo é necessário, mas ai por quem ele vier”... Tenho ainda, em abono da Verdade e da Igreja Universal de Melkitsedek. ou seja, da Mui Nobre, Augusta e Soberana ORDEM DO SANTO GRAAL, a afirmar que os charlatões e seus associados mesmo eles não deixam de ser, sem o saber ou sequer sonhar, o véu que esconde os verdadeiros Adeptos Independentes.

Porque, como dizia o Venerável Mestre JHS, “detrás da mentira está à verdade”. O MAGO NEGRO encarnado ou desencarnado, poderá ser uma entidade com um grande intelecto, mas SEM AMOR algum; poderá possuir grande determinação, mas SEM RESPEITO pelo seu próximo, não olhando a meios para alcançar os seus fins; poderá ter as melhores BOAS INTENÇÕES APARENTES, mas interiormente corrói-o a cobiça, a inveja, a avareza, o despotismo...; ajuda em INTERESSE PRÓPRIO, sem deixar de cobrar em dobro... enfim, vive do ódio (que como o Amor são os únicos sentimentos que imortalizam e fazem um Nirmanakaya) e DESPREZA A COMPAIXÃO.

A Face da Terra possui o seu Duplo Astral que se prolonga até ao espaço balizado pela LUA, e ele é o palco da ação oculta dos magos negros, sempre encontrando pela frente a oposição tenaz dos Mestres Reais e dos seus insignes Discípulos, afinal os únicos e consagrados “Guardiões da Luz Sagrada. A “Nova Civilização” não será senão filha da antiga, e só temos que deixar a Lei Eterna seguir o seu curso para que faça sair os nossos mortos das suas tumbas; se bem que seja verdade que “nos ligamos supersticiosamente às relíquias do Passado”, a nossa Ciência não desapareceu da vista dos homens. Ela é o “Dom dos Deuses” e a Relíquia mais preciosa de todas.

Os Guardiões da Luz Sagrada não atravessaram com sucesso tantos séculos para virem esmagar-se contra o rochedo do cepticismo moderno. Os nossos Pilotos são navegadores muito experimentados pelo que não acreditamos em tal desastre. Encontramos sempre voluntários para substituir as Sentinelas fatigadas, e o Mundo, por muito mal que esteja no presente momento de transição, pode no entanto fornecer-nos alguns homens de tempos a tempos. A presença dos Nirmanakayas Brancos – os Grandes Choans – no Plano Astral é muito rara, pois esses maravilhosos Seres geralmente habitam Planos acima do Mental Inferior.

Contudo, se desejam manifestar-se no Mundo kama-Kaya (o Astral) para aí realizarem algum tipo de trabalho do seu interesse, revestem-se dum corpo kamásico constituído do mais puro material desse Plano. Os mais interessantes Seres do Astral são naturalmente os Kama-Rajas. De evolução diferente da Humana, têm, no entanto, muita intervenção junto dos homens, principalmente no desenvolvimento e apuramento do seu corpo psíquico. Tais Seres, desempenhando tarefa muito semelhante à dos elementais, todavia pertencem a uma categoria muitíssimo superior à destes, pelo que são denominados genericamente de Kama-Rajas, isto é, “Reis do Astral”.

A aura do mago negro é o seu espelho denunciador a quem a saiba entender. Nunca ostenta cores brilhantes, mas sempre pesadas e escurecidas. Por exemplo, se possuir um forte intelecto discursivo, frio e sem bondade, apresentará um acinzentado amarelo ocre na aura astral, invés do amarelo dourado da Sabedoria. Caso as suas tendências apresentem propensão religiosa de teor exclusivista e fanático, ver-se-á o azul escurecido e pesado típico dos “perigosos fanáticos armados”, ao contrário do azul céu luminoso do Amor característico do verdadeiro Místico. E ainda se poderá ver o vermelho lívido e sangrento próprio de quem concentra toda a sua atividade vital nos baixos padrões passionais, invés do vermelho róseo, quase ou mesmo purpurino, de quem transmutou a energia kâmica ou passional em actividade puramente espiritual que é SUPRA-INTELIGÊNCIA, SUPRA-EMOÇÃO e SUPRA-VONTADE, respectivamente para o ESPÍRITO (Satva), ALMA (Rajas) e CORPO (Tamas).

Essas últimas são as qualidades da Tríade Espiritual do Homem e a qual é a sua própria INDIVIDUALIDADE, na qual o Teurgo ou Mago Branco possui focalizada a sua consciência. A ela o Goécio ou Mago Negro (Rakshasa em sânscrito, Shamar-Dad-Dugpa em páli e tibetano, Qliphoth em hebreu e Shaitan em árabe) não tem acesso, por não ter ESPIRITUALIDADE – AMOR – SABEDORIA. Mesmo querendo alçar-se por meios inaturais à mente abstrata, fica-se pela mente concreta, não passando do nível mais baixo do Plano Mental ligado ao Emocional. Portanto, da Região de Kama-Manas (Psicomental), na qual a PERSONALIDADE transitória encontra sempre estímulos para a criação de novos “desejos” ou nidanas, indo enriquecer a mesma Personalidade e empobrecer a Individualidade. Sobre a diferença entre o Homem Verdadeiro e o Ilusório, escreveu Mestre Koot Hoomi nos finais do século passado: «Falamos de “individualidade” e “personalidade”, de Amata-Yana e Paceka-Yana.

Estes dois termos são a traduções fiel e literal dos nomes técnicos pális, sânscritos e mesmo sino-tibetanos atribuídos às numerosas entidades personais fundidas numa única individualidade, ao longo das vidas emanando da mesma e imortal Mónada. Deveis lembrar-vos: «1.º O Amata-Yana (em sânscrito, “Amrita”) é traduzido como o “Veículo Imortal” ou a Individualidade. O Ego Espiritual ou Mónada imortal, combinação dos quinto, sexto e sétimo princípios. Enquanto que: «2.º O Paceka-Yana (em sânscrito, “Pratyeka”) significa literalmente o “Veículo Personal” ou Alma pessoal, a combinação dos quatro princípios inferiores.» Os corpos ou veículos interpenetram-se por seu grau de subtilidade e diferenciam-se por seu grau de densidade, correspondente à vibração dos diversos estados ou planos que lhes são afins, dentro dum estado-limite de globo ou “círculo não se passa”. Essas sete expressões da Consciência humana dividem-se em três partes constituindo o já chamado ESPÍRITO – ALMA – CORPO, divisória feita já por São Paulo na sua Carta aos Hebreus, e que Papus alegorizava como o Cocheiro (Espírito) conduzindo a Carruagem (Alma) puxada por fogoso Cavalo (Corpo). Assim tem-se: O Rakshasa possui a sua consciência centralizada no quaternário inferior, material, e por isso é amigo da fenomenologia e tem mais propensão a provocá-la no plano físico que o Mago Branco, que a evita por ser causadora de mayas ou ilusões, e por entender a CAUSA, o NÓMENO mesmo, pelo que chega a desprezar o fenômeno que hoje em dia é o instrumento predileto de certas seitas para deslumbrar, fascinar o povo ignorante do perigo mortal que corre.

O desmesurado crescimento da Personalidade em detrimento da Individualidade, embrutecendo e enfeiando a Alma com a constante ingestão de energias grosseiras que corrompem o maleável corpo kama-manásico, leva o mago negro a possuir no Astral as mais hediondas formas animalescas e a assumir as mais nabalescas atitudes que, de serem tão horripilantes. Os seus “templos”, cadinhos infernais onde se coze, tempera e serve a desgraça humana, apresentam invariavelmente as cores próprias da natureza bestializada, cada qual com o tom afim à atividade que aí se exerce sobre “mortos” e “vivos”. Por exemplo: cinzento significa ignorância a qual, quando levada ao extremo do ódio, torna a aura ambiental negra; castanho = inveja; vermelho escarlate = luxúria sexual; laranja ocre = intelectualidade despótica; roxo intenso = dor e sofrimento; verde lama = doença... E assim por diante, numa lista áurica dos males psicomentais carregados pela própria criatura humana que os criou. Quando um Ser de Luz aparece diante de uma dessas criaturas demoníacas, ela se contrai, aterroriza e acaba debandando ante a aparição do Testemunho do Poder Divino.

E debanda ou escapa de maneiras assaz curiosas: ou rastejando ou dando pulos, por estar agrilhoada, encadeada à matéria tamásica que preenche inteiramente a sua alma corrompida. Mas, à medida que se voltar para a Luz de Deus e o Arrependimento e o Amor a inundar purgando-a com novos e mais elevados pensamentos e sentimentos, essa alma tornar-se-á mais rarefeita e límpida ao libertar-se como um “aerostato” dos grilhões ou cascões de natureza astral ou psíquica.

Nenhum comentário:

Você vai gostar de ler

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores

Livro de Umbanda Astrológica

Livro de Umbanda Astrológica
Compre seu livro

Marcadores

comportamento (118) sexo (110) magia (100) conceito (92) astrologia (91) mulher (79) espiritualidade (71) amor (60) pesquisas umbanda astrologica (59) carlinhos pesquisas (58) conceitos (56) (45) religião (43) carlinhos pesquisas do taro (40) orixás (39) umbanda-astrologica (39) Agressividade e Sexo (38) novos conceitos astrologicos (36) de olho no movimento dos astros (35) tarô (35) A astrologia (34) astrologia sexual e relacionamentos (34) umbanda (33) esoterismo (32) pesquisas (30) sexualidade (29) astros e a politica (24) pesquisa (24) prazer (24) estudos (23) a umbanda-astrologica (22) arcanos (22) orgasmo (22) climazzen (21) magia sexual (21) anjos (20) signos (20) A Sexualidade Feminina e Masculina influenciadas (19) carma (17) mulheres (17) Ranascimento (16) estudo (16) bem estar (15) espaço (15) gostosa (15) saúde (15) rituais (14) umbanda astrológica (14) astrologia e cabala (13) Orixá (12) astrofisica (12) astronomia (12) biblia (12) poder (12) Conceitos astrologicos (11) Sexualidade Feminina (11) astral (11) espiritualidade fé (11) mediunidade (11) desejo (10) lua (10) marte (10) previsões (10) Deus (9) Influencias (9) atriz (9) baralho (9) cabala (9) ciência (9) exu (9) umbanda astrologica (9) virgindade (9) AMOR. comportamento (8) CONQUISTA (8) arcanjos (8) candomblé (8) deusa (8) magos (8) misterios (8) nua (8) o que fala sobre espiritismo e astrologia. (8) sexualidade Masculina (8) signo (8) A origem da Astrologia (7) Pombagira (7) anjo (7) homens (7) livro (7) simbolismo (7) Agressividade (6) VIDA (6) arcano (6) astrologia sexual (6) captar energias (6) conhecimentos (6) destino (6) estrela (6) magia negra (6) oxum (6) pombagiras (6) reencarnação (6) riqueza (6) sensualidade (6) sol (6) tantrismo (6) Harry Potter (5) ancestrais (5) astrofísica (5) carma sexual (5) cartas (5) cosmos (5) desejos (5) elementos (5) hierarquia (5) homem (5) mago (5) moda (5) nasa (5) obsessão (5) orixas (5) parteas do horoscopo (5) pelada (5) planeta (5) poder dos astros (5) proteção (5) psicologia (5) relações (5) segredos (5) sensual (5) tarologia (5) Jovem (4) Topless (4) Vesta (4) artista (4) baralho cigano (4) busca (4) casamento (4) castidade (4) descoberta (4) espiritismo (4) exus (4) fim do mundo (4) fotos (4) galáxia (4) gozo (4) leitura (4) magia sagrada (4) mapa astral (4) mito (4) paixão (4) pecado (4) pedras (4) planetas (4) protetor (4) protetores (4) sentimento (4) sorte (4) taro (4) traição (4) vibrações (4) vênus (4) 2010 (3) 2012 (3) ESCOLHAS (3) Feminina (3) Horóscopo (3) Loira (3) MORTE (3) Masculina (3) adultério (3) alfabeto (3) alfabeto magico (3) antigos mestres (3) arte (3) astrologia signos (3) bruxaria (3) buda (3) budismo (3) ciúme (3) conheça (3) dieta (3) drogas (3) ensaio (3) feitiço (3) filme (3) guia (3) guias (3) harmonia (3) horoscopo (3) influenciadas (3) kama sutra (3) lilith (3) lingerie (3) maior (3) maçonaria (3) metodos (3) misticismo (3) mistérios (3) mostra (3) natureza (3) oração (3) oráculos (3) peitinhos (3) poder do amor (3) quimbanda (3) religiões (3) sagrado (3) seios (3) sexo tântrico (3) sexy (3) simbolos (3) sinais (3) solsticios (3) ultima ceia (3) universo (3) 12 casas (2) Arca da Aliança (2) As caracteristicas de seu signo (2) Busca de Harmonia (2) Búzios (2) ESPIRITUAL (2) Fenômenos (2) Jesus (2) PROFECIA (2) Saúde Sexual (2) Touro (2) Transitos. (2) Vanessa Hudgens (2) alegria (2) alfabeto sagrado (2) alimentos (2) alma (2) alma gemea (2) ancestral (2) anjo da guarda (2) anuncie (2) anuncio (2) arcano 6 (2) arqueômetro (2) ascendente (2) astrologia e riqueza (2) atração (2) bahia (2) beleza (2) biquíni (2) bumbum (2) buscadores (2) calendário maia (2) carnaval (2) casais (2) casas de umbanda (2) ciganos (2) ciume (2) combinando (2) conhecimento (2) corpo (2) criança (2) cristal (2) códigos sagrados (2) demônio (2) deuses (2) doença (2) dom (2) dons (2) dor (2) duvidas (2) e-mails (2) egito (2) enamorados (2) ensinamentos (2) era de aquário (2) erotismo (2) escorpião (2) especialistas (2) estrelas (2) faz (2) feminino (2) fim dos tempos (2) futuro (2) golias (2) iemanjá (2) incensos (2) libra (2) lojas esotericas (2) manter (2) mantras (2) marketin (2) mecanismos (2) medo (2) mensageiros (2) mitologia (2) municipio (2) nodulos lunares (2) nova era (2) numerologia (2) o jogo de búzios (2) o sol astrologico (2) ogum (2) olho (2) origem do taro (2) origem do universo (2) oráculo (2) oxalá (2) panicat (2) pedofilia (2) pequisas (2) perfumes (2) perguntas (2) pesuisas (2) planetas retrogrados (2) pode (2) poder feminino (2) preconceito (2) previsão (2) produtos esotericos (2) publicidade (2) quiromancia (2) raiz (2) regente do ano (2) religiao (2) ritos (2) salmo (2) santa sara (2) segredo (2) ser (2) sinastria (2) sofrimento (2) tatuagem (2) valor (2) virgem (2) vodu (2) wica (2) : Metal lendário (1) Alimentação (1) Análises (1) Astrologia Cármica (1) CARNAVAL DE VIRGENS (1) Ego (1) Islã (1) Joana Machado (1) Magnetismo Pessoal (1) Malibu (1) PARA AFASTAR (1) Problemas na cama (1) Rio de Janeiro (1) Tamires Pereira Santiago (1) Victorias Secret (1) agradece (1) alinhamento (1) ciência sagrada (1) céu vermelho (1) código da vinci (1) dons naturais (1) efeito (1) fe´ (1) grande tremor (1) jessica gomes (1) juno (1) linhas ciganas (1) linhas de ciganos (1) liquidificador (1) lista (1) macumba (1) mae de santo (1) magia divina (1) mais (1) mandala astrológica (1) matéria (1) meditação (1) medium (1) pilares (1) pintor (1) poder dos alimentos (1) prevenir (1) previu (1) pupila (1) registra (1) rei davi (1) rei do pano branco (1) reich (1) relação (1) relgião (1) segredos femininos (1) sentimentos (1) tatuagens (1)